Título Original: Six impossible things
Autor: Fiona Wood
Páginas: 272
Editora: Novo Conceito

Dan Cereill tinha uma vida fácil: com uma família rica e feliz, ele era um adolescente que não precisava se preocupar com coisas mais sérias do que os problemas escolares. Porém, seu mundo desmoronou quando seu pai faliu e decidiu assumir que era gay, se separando de sua mãe.

Por sorte, Dan e sua mãe conseguem um local para viver porque ela recebeu uma casa como herança. Se não pensar no lado ruim que é o fato de alguém ter morrido, Dan estava feliz demais por ter um teto sobre a cabeça. Mesmo que a casa cheirasse a xixi de cachorro e fosse velha, tombada pelo patrimônio histórico, não podendo ser reformada, era um local para recomeçarem a vida e tentarem suprir suas necessidades básicas.

Agora o adolescente que tinha a vida perfeita vai precisar entrar em um novo colégio, fazer novos amigos e tentar alegrar a sua mãe, para que a vida possa parecer um pouco normal. Por causa disso, ele cria uma lista de coisas para fazer como, por exemplo, beijar a sua nova vizinha Estelle, arrumar um emprego e tentar não ser um nerd completo na nova escola.

É um livro bonitinho, de escrita fácil e leitura rápida. Acompanhamos, através de uma narração em primeira pessoa, o cotidiano de Dan e sua adaptação à nova realidade que o cerca. No início, achei a narrativa um pouco parada e acabei ficando meio desanimada com a leitura, porém ela melhora bastante e o livro apresenta lições importantes de amizade, amor e dedicação.

A história é daquelas dignas de Sessão da tarde, sabe? Que é legal, boa de assistir, mas não é complexa ou surpreendente. Recomendo para quem gosta do estilo. 

Detalhes:




13 Comentários

  1. Oii. Eu adorei o livro, achei a história super fofinha e gostosa de ler. Também curti acompanhar o crescimento do protagonista, fez eu voltar aos tempos de adolescência - que não estão tão longe - e lembrar das experiências, amizades, obstáculos. Enfim, gostei bastante.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Legal, Kellen. Eu também achei a história boa de ler, mas pensei que seria um pouco mais animadora... Comecei a me prender na leitura mesmo lá pela metade do livro.

    ResponderExcluir
  3. Leticia Siqueira Das Chagas23/01/2014 22:52

    Oi! Bem, esse livro parece ser leve e tal (como você disse, estilinho Sessão da Tarde) e apesar de eu gostar de livros assim, não me interessei muito.

    Beijos,

    Letícia

    http://www.odomdaescrita.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Inês Gabriela A.24/01/2014 14:19

    Olá, Alana.
    Tudo bem? Eu já tinha ouvido falar do livro, mas em um primeiro momento ele não me interessou, creio que pela capa. Não gostei dela. A história é bacana, gosto dessa coisa de listas, mas não compraria. Leria se ganhasse ou pegasse emprestado.
    Beijos.

    http://memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Alana..

    Nossa ainda não tinha visto este da Novo Conceito..

    A capa é linda, a história parece ser fofinha..

    beijos

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi Inês, tudo ótimo e contigo?
    Comigo foi justamente ao contrário, hehe, achei a capa bem legal, fiquei interessada na história, mas ela acabou se mostrando um pouco menos divertida do que eu esperava.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Ele não foi muito divulgado, Leticia! Mas é uma história fofinha mesmo, beijos.

    ResponderExcluir
  8. Oi, Alana. A história parece fofa e a diagramação é linda! Adoro livros caprichados assim. :) Tem dias que tudo o que a gente precisa é de um livro fofinho e de leitura fácil.


    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Oi Gabi! O livro é bonitinho sim, mas não consegui ler tão rápido, haha, achei o começo meio tedioso.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Verdade, Nadia! Há momentos certos para cada tipo de livro, não é mesmo?
    Acho que essa diagramação combinou bem com a história do livro, já passa uma atmosfera de coisas leves e divertidas.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Aline Coelho27/01/2014 17:12

    Adorei saber sua opinião sobre o livro e apesar de não ter sido a primeira resenha que li, foi a primeira que me deixou curiosa. Valeu pela dica e amei as imagens. Beijos


    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir